Ulcera gástrica

A úlcera gástrica, também conhecida como úlcera péptica ou úlcera no estômago, é uma ferida que se forma no tecido que reveste o estômago, causada por diversos fatores, como má alimentação ou infecção pela bactéria H. Pylori, por exemplo.

Ela apresenta como sintoma a dor de estômago, náuseas e vômitos, especialmente após comer, apesar de também poder não apresentar sintomas por muito tempo. Normalmente, a presença de uma úlcera não é uma situação muito grave, devendo ser tratada com medicamentos antiácidos, que evitam que o suco gástrico presente no estômago torne a ferida ainda maior.

Quais são as causas
A úlcera gástrica se forma quando o estômago fica vulnerável à sua própria acidez, ao ter suas defesas enfraquecidas. As possíveis causas são:

Fator genético;
Uso de medicamentos que afetam as defesas da parede do estômago, como anti-inflamatórios ou AAS, por exemplo;
Infecção pela bactéria Helicobacter Pylori, que se multiplica no estômago e enfraquece a sua barreira protetora;
Consumo de bebidas alcoólicas, que têm efeito irritativo;
Estresse, situação que afeta as defesas da mucosa do estômago e favorece o surgimento de sintomas.
Além disso, uma alimentação desequilibrada, rica em gordura, açúcares e alimentos irritativos, como cafeína ou pimenta, por exemplo, podem agravar os sintomas e a progressão da úlcera e outras doenças gástricas, como refluxo. Entenda melhor as causas em como se forma um úlcera.

Sintomas comuns
A úlcera gástrica gera sintomas como:

Dor abdominal forte, em forama de pontada, que piora ao comer ou ao beber;
Dor em forma de queimação na “boca do estômago”;
Enjoo;
Vômito;
Dor de cabeça;
Sangramentos na parede do estômago, o que pode causar saída de sangue nas fezes, visível ou identificado no exame de pesquisa de sangue nas fezes.
É comum que os sintomas se tornem piores após a alimentação, por isso, o apetite pode se tornar diminuído e causar perda de peso.

Também importante lembrar que, além da úlcera gástrica, pode-se formar uma úlcera duodenal, localizada na primeira porção do intestino, que costuma causar sintomas nos períodos em jejum ou durante a noite.

Como confirmar a úlcera gástrica
Para diagnosticar a úlcera gástrica, o médico clínico geral ou gastro poderá solicitar uma endoscopia digestiva alta, após identificação dos sintomas que indiquem esta problema.

Para realização deste exame, o médico irá colocar uma sonda, com uma microcâmera na ponta, dentro da boca do indivíduo até o seu estômago, conseguindo visualizar com clareza as paredes internas do estômago e suas lesões, e podendo realizar biópsias do tecido.

Como é feito o tratamento
O tratamento para úlcera gástrica é feito com o uso de remédios que diminuema a cidez do estômago, como antiácidos ou inibidores da acidez, como Omeprazol, Pantoprazol, Lansoprazol ou Esomeprazol, por exemplo.

Pode-se recorrer ainda a analgésicos, para controlar as dores, e a calmantes, para que o indivíduo fique mais relaxado, uma vez que o ácido gástrico é produzido em maior quantidade sob estresse. Para eliminar a H.Pylori, quando identificada no exame, recorre-se a antibióticos, como, por exemplo, a Amoxicilina e Claritromicina.

A alimentação deve ser feita com frutas, legumes e verduras cozidos, grãos, laticínios light, pão, e carnes magras, devendo-se evitar alimentos muito quentes, bebidas alcoólicas, refrigerantes, sanduíches, fast food, frituras e doces em geral. Evite também alimentos que promovem a liberação do ácido gástrico, como café, chá preto, mate, condimentos, molhos picantes e frutas ácidas como caju, laranja, limão e abacaxi.

Opções de tratamento caseiro
Um ótimo tratamento caseiro para úlcera gástrica é tomar o suco puro de uma batata por dia, de preferência em jejum, tomando-o logo após o preparo.

A batata é um antiácido natural que não tem contraindicações, muito eficaz em caso de gastrite e úlcera.

Fonte: https://www.tuasaude.com/ulcera-gastrica/

O principal propulsor para o sucesso de um médico é o seu paciente. Sabendo disso, é imprescindível nutrir uma boa relação com ele.

Por Dra. Nathália Belarmino

Agende sua consulta